“THERE IS NO KNOWLEDGE THAT IS NOT POWER.” EMERSON

O direito é como a vida: sempre tem dois lados.

Conheça minha página na Obvious: ARCANO DO ALEHP

Conheça minha página na Obvious: ARCANO DO ALEHP
“Alho e safiras na lama...” T.S. Eliot, Quatro quartetos, 1943

“As maiores ideias são os maiores eventos.” Nietzsche

“As maiores ideias são os maiores eventos.” Nietzsche
“Tira-me, pouco a pouco, da minha palavra.” Chaucer

domingo, 4 de abril de 2010

ESPECIAL: ENTREVISTA PÓSTUMA COM RENATO RUSSO NA ILHA DE LOST VOL 1

Renato Russo nasceu em 1960 e partiu em 1996, aos 36 anos no apogeu de sua música Pós Punk Rock e Italiana. Assim, para celebrar com glamour hollywoodiano o cinqüentenário do imortal líder da maior banda de rock de todos os tempos, a supra-sagrada Legião Urbana, o observador se encontrou com o rebelde Trovador Solitário na Ilha de Lost (onde aparentemente tudo pode acontecer) para uma incrível entrevista póstuma exclusiva. Renato respondeu as minhas perguntas com sua inteligência genial, sua sensibilidade extrema e seu humor impecável. Não deixei passar nada e perguntei desde política, visão existencial, sexo, drogas, AIDS e até, claro, Rock'n'roll. Qualquer semelhança entre suas respostas e seus manuscritos pessoais revelados no livro Renato Russo de A a Z é mera coincidência, salvo provem o contrário. Decidi fatiar em duas partes o conteúdo dessa entrevista contendo 50 perguntas, uma para cada ano de “vida” do mito, a fim de evitar uma overdose musical no leitor. Sirvam-se, legionários!


Eu sou o Renato Russo. Eu escrevo as letras, eu canto. Nasci no dia 27 de março, eu tenho 26 anos. Sou Áries e ascendente em Peixes. Eu trabalhava com jornalismo, rádio, era professor de Inglês também e... comecei a trabalhar com 17 anos e tudo, mas só que de repente tocar rock era uma coisa que eu gostava mais de fazer. E como deu certo eu continuo fazendo isso até hoje.


Legião Urbana- Por Toda a Minha Vida



1. Thiago Castilho: Em primeiro lugar eu gostaria de dizer muito obrigado pela sua obra excepcional, profunda, versátil e medicinal. Eu tive uma adolescência selvagem a partir dos 13 anos e alguns pontos biográficos semelhantes aos seus, exceto pelo homossexualismo e as drogas, claro, mas digamos que curtir a minha epifisiólise particular. Hecce Homo: eu era assim, um menino melancólico que lia Dostoievski, angustiado, introspectivo e paradoxalmente romântico. Sua música foi minha terapia psicanalítica alternativa ao lado da poesia de Drummond e Pessoa. Vocês três formam minha santíssima trindade pessoal. Bem, vamos lá. Renato Russo por Renato Russo?


Renato Russo: Teve a idéia de formar Aborto Elétrico, que JAERA. Acabou, fim, adeus, good-bye. Continuou escrevendo e cantando músicas para quem quisesse ouvir. Sabe de cor mais de 42 músicas dos Beatles (o que não é um grande feito) e é fã incondicional dos Vigaristas de Istambul (a banda mais honesta a aparecer e, depois, desaparecer). Escreve uma peça de teatro, é professor. Todos os professores e professoras, sejam bem-vindos!'. Não gosta de dentista, filas de espera, música de elevador, nem de gente falsa e/ou sem criatividade. Gosta muito de cinema e está atualmente preocupado com boatos de que a Terceira Guerra pode começar antes que ele cumpra sua promessa de ir a Mogi das Cruzes para se encontrar com seres extraterrestres. Como todo ser humano, é falso em casos de emergência, e todos sabem que não é nem um pouco criativo. Ninguém sabe, mas foi ele quem matou Sid Vicious em 1432 a.C.


2. Thiago Castilho: O jornalista Arthur Dapieve disse que tanto ao falar de política quanto ao falar de amor, uma única linha norteava sua poética: a busca da ética perdida. Como você vê essa ética perdida?


Renato Russo: Eu acho que existe um grande confronto entre a ética e a estética. A ética, em algum momento, foi substituída pela estética. Isto é mais uma forma de controle. Eu me baseio numa ética normativa, que diz o que é certo ou errado fazer. É bom deixar claro que isso passa por uma avaliação interior, e não por uma imposição. Afinal, já se matou muita gente com essa justificativa. Assim, um engenheiro de obras sabe que não se deve poluir a Baía de Guanabara, ou o governo sabe que não podem haver pessoas passando fome. Acho que o básico, para essa avaliação, é a Declaração dos Direitos Humanos. E isso teria que partir do núcleo da sociedade, que é a família. É uma questão de educação! Porque não adianta ficar xingando o Sarney [ex-presidente José Sarney]. Na verdade, os culpados pela situação do país somos nós! Por exemplo: como a nova geração vai ter respeito pela mais velha, se essa a ataca e está cheia de preconceitos?


3. Thiago Castilho: Sua primeira banda de rock possuía um nome insólito, “Aborto Elétrico”, que foi a semente da Legião Urbana. Você pode nos revelar, por favor, qual é a origem desse nome exuberante?


Renato Russo: O nome Aborto Elétrico é justamente porque eles inventaram, em 68, os cassetetes elétricos que davam choque. Numa dessas batidas, uma menina que estava grávida, nada a ver com a história, levou uma tal daquelas cacetadas e perdeu a criança! Coisa de mau gosto! Então, Aborto Elétrico era o que representava a música da gente.


4. Thiago Castilho: Todo adolescente é um mochileiro das galáxias, por assim dizer, e no íntimo se sente um alienígena, certo? Como era o Renato adolescente?


Renato Russo: Na adolescência, você quer ser aceito. Foi uma época muito complicada para mim. Eu sabia que era sedutor e, como todo mundo, também aprendi os códigos sociais para não me machucar.


5. Thiago Castilho: Para mim com a Legião Urbana você reinventou o rock nacional, introduzindo poesia pensante e crítica político-social em seu corpo. No entanto você tinha uma postura pessoal I Don't Care (Eu não ligo), certo?


Renato Russo: Eu tinha uma postura tão contra tudo e contra todos que, se você me falasse "Não come isso que é veneno", eu chegava e comia mesmo. Eu sou ariano, eu aprendo dando cabeçadas. A minha serenidade, e até a minha própria insegurança, são um dom, porque eu sofri tanto! A questão é que eu não tinha que tomar droga coisa nenhuma, tinha que tomar na cabeça. "Sai desse canto, Renato, pára com tadinho de mim". Tadinho de mim? Foda-se! A vida é difícil mesmo. "Ah, eu sou poeta, artista..." Foda-se! Não vou ficar incomodando os meus amigos. Eu tinha uma postura rebelde, completamente idiota. Eu achava assim: "Ah, eu estou destruindo meu próprio corpo e ninguém tem nada com isso".


“Quem um dia irá dizer
Que existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão?” Eduardo e Mônica



6. Thiago Castilho: Você nunca ocultou de ninguém sua relação problemática com as drogas. Como é o cotidiano de um depende químico?


Renato Russo: A doença [dependência química] te domina de tal maneira que você pensa que é daquele jeito, mas, na verdade, não é. É como uma depressão. Você não consegue sair daquilo, vai usando isso, aquilo, e de repente o mundo vai se fechando. Você fica agressivo sem perceber. Tudo é cinza. Você não consegue ver nada de positivo. E a vida não é nem boa, nem ruim: a vida é o que a gente faz da vida. Mas, é claro, se você vive entupindo seu corpo com toxinas... No começo, é até interessante. É o que a gente chama de lua-de-mel. Depois, é fatal. Quem é dependente químico, se não parar, morre. E, se não morrer de overdose, suicídio ou câncer no fígado, morre em acidente de carro ou coisa assim. Quem não tem esse problema acha que é frescura. Quem tem é geralmente gente muito sensível, é tudo uma gente maravilhosa que entra no buraco e não sai. Todos os poetas e escritores são alcoólatras, eles têm uma coisa a mais. Mas a verdade é que a droga não traz nada de bom para ninguém, eu é que achava que precisava de droga.


7. Thiago Castilho: Em Romeu e Julieta o refrão de um dos personagens secundários na tragédia idílica de Shakespeare é “Eu sou apenas um belo pedaço de carne.” Recentemente o norte-americano Scott Westerfeld lançou um livro chamado “Feios” em que num futuro não muito distante todos os adolescentes esperam ansiosos o aniversário de 16 anos, pois então serão submetidos a uma cirurgia plástica obrigatória que corrigirá todas as suas imperfeições físicas, transformando-os em perfeitos. O conflito se instala quando nem todos concordam com a mudança. Atualmente a moda vigente preconiza o “Capital Erótico.” Você teve problemas com a sua aparência?


Renato Russo: Eu sempre tive trauma de ser feio. Eu achava que tinha direito a ter um ponto de vista, e as pessoas riam da minha cara. E agora é: "Viu, Renato, você estava certo". Eu não sou nenhum Paulo Ricardo, nenhum James Taylor, mas eu dou lá minhas reboladinhas, e as meninas gritam"Lindo! Lindo!". Eu era magrelo, branquinho, com espinhas, e, de repente, consegui ter uma banda de rock. Por que não? O pessoal me via: "Mas ele é que é o Renato Russo?". "É, mas as letras dele são bacanas".


8. Thiago Castilho: Como era a convivência na Legião Urbana?


Renato Russo: Conviver com uma banda é superlegal. Para mim, é uma das coisas mais importantes da vida. Acho que trabalho é uma coisa muito importante. Eu tive sorte de encontrar não só o Dado e o Bonfá, mas uma equipe que acredita no que a gente faz. Eu acho o Bonfá o mais inteligente da banda, mas ele é mais caseiro. Então, fica parecendo que eu sou o mais inteligente, o mais culto. O Dado é o mais sensível. No fim das contas, cada um de nós é uma pessoa, mas, pelo fato de a gente ter trabalhado tanto tempo juntos, cada um de nós é uma parte da Legião Urbana. Nós temos muitas coisas em comum. E isso é impressionante, porque somos três pessoas completamente diferentes. Como eles são mais jovens do que eu — isso não é uma coisa que parte de mim —, às vezes eu sinto que eles se ressentem de ser essa coisa de Renato Russo, Renato Russo, Renato Russo. O vocalista aparece mais, mas, às vezes, as pessoas têm a impressão de que eu faço tudo. E eu não faço tudo, não. Têm músicas inteiras que o Dado me entrega a fita pronta, eu só coloco a letra. E as pessoas não vêem isso. Eles também não gostam muito de fazer entrevista.


9. Thiago Castilho: Qual é o perfil do público da Legião Urbana?


Renato Russo: Nosso público tem um perfil que eu acho muito bonito. São pessoas que não são racistas, não são fascistas, que buscam uma determinada ética frente ao mundo complicado que têm. Fico feliz de tentar trabalhar com o que acredito, e o que acredito passar na música. Não existe confusão.


10. Thiago Castilho: Imagino que tenha sido psicologicamente excruciante ou superpunk para você descobrir que era soro positivo. Você poderia, por favor, descrever como foi essa experiência?


Renato Russo: A Aids coloca toda e qualquer ação humana sob outro prisma. A Aids acabou com a segurança. As angústias voltaram a ser básicas. E pessoais. Pratico sexo seguro desde 1986. E acho que a doença está mais ligada a um tipo de vida desregrada. Já perdi amigos. É uma coisa brutal, terrível. Mas espero que agora, passados dez anos, a situação melhore. Esta garotada que está aí é bem mais informada.


“Veja o sol
Dessa manhã tão cinza
A tempestade que chega
É da cor dos teus olhos
Castanhos...” Tempo Perdido



11. Thiago Castilho: Defina os anos 90.


Renato Russo: Não queremos ser diferentes, e, sim, que todo mundo tenha o direito de ser como é. Eu não preciso me sentir mal porque não sou igual ao garoto que está no anúncio do iogurte. É você ser sexy, charmoso, com uma certa plasticidade corpórea. Cria-se uma geração de clones. Estes são os anos 90.


12. Thiago Castilho: Drummond escreveu “O homem atrás do bigode/ é sério, simples e forte/ quase não conversa/ tem poucos raros amigos.” De tudo talvez eu não possa me queixar da amizade, sempre tive sorte com isso. Conceitue amizade.


Renato Russo: Amizade é quando você encontra uma pessoa que olha na mesma direção que você, compartilha a vida contigo e te respeita como você é. Uma pessoa com a qual você não precisa ter segredos e que goste até dos teus defeitos. Basicamente, é aquela pessoa com quem você quer compartilhar os bons momentos e os maus, também. Alguns amigos meus são os mesmos do passado e outros, não. Eu não tenho muitos, mas tenho bons amigos. Se eu contar, realmente, não devem passar de cinco. Mas têm outros.


13. Thiago Castilho: Qual é a sua conexão com o Cazuza?


Renato Russo: Eu tenho uma superligação com o Cazuza, a gente nasceu na mesma cidade, somos do mesmo signo e quase da mesma idade (Cazuza era um ano mais velho) e temos o mesmo trabalho — somos letristas e cantamos — e nós dois somos loucos. Eu não apareço tanto, mas sou muito parecido com o Cazuza. Acho que o Cazuza é superlegal. Ele viveu intensamente! Eu não tenho coragem de fazer isso. Ele levou a vida dele para além dos limites.


14. Thiago Castilho: Segundo Camões que conheci durante minha última viagem no tempo, somos destinados a amar. Você ainda acredita no 'L'amour?


Renato Russo: Depois que eu me apaixonei de verdade, e não deu muito certo, então eu não consigo mais... Eu fico esperando, putz, eu quero sentir aquilo de novo, mas aí, se começa, se o coração bate mais rápido: "Ah, eu não sei se quero isso, não". Eu acreditei durante muito tempo em amor romântico. Hoje em dia, eu não acredito em amor romântico, não. Eu acredito em respeito e amizade. De repente, sexo e tudo. Ou, então, expressão física. Mas é assim: respeito e amizade. Porque paixão, essa coisa de amor romântico mesmo, acho que traz muito sofrimento e sempre acaba. Você sofre, você fica pensando na pessoa, você não funciona direito. Ao mesmo tempo em que você descobre muitas coisas boas em você — não sei, pelo menos comigo acontece isso —, eu descubro sempre as invejas, certos ciúmes, uma certa possessividade, no meu caso, muito machista. E isso incomoda. Eu sou ciumento, possessivo, italianão. Eu acho que o amor verdadeiro não passa por isso, não.


15. Thiago Castilho: Você já tentou mulheres, por assim dizer?


Renato Russo: Minhas melhores amigas de hoje vêm de uma época em que eu estava tentando namorar garotas, para ver se deixava meus pais felizes, a sociedade feliz. Namorei mulheres belas e interessantes. Uma delas foi a Denise Bandeira — posso dizer, porque sei que ela não se importa —, aquele mulherão. Tentei, mas não deu certo comigo. Entendi que podia namorar a mulher mais bonita do mundo, mas, quando passasse um bofe atraente, com o corpo cabeludo, hummmm. Não deu, não dá.


“E João não conseguiu o que queria
Quando veio pra Brasília, com o diabo ter
Ele queria era falar pro presidente
Pra ajudar toda essa gente que só faz...

Sofrer...” Faroeste Cabloco



16. Thiago Castilho: Recentemente você conseguiu se libertar do vício do álcool e agora você só toma milk shake, certo? Parabéns. Mas por que você acha que mergulhou nesse abismo ziguezagueante?


Renato Russo: Aquela história: bebia, porque sofria; depois, sofria, porque bebia. E bebia muito para ser aceito, para que gostassem de mim. Sentia insegurança, tomava umas doses, ficava espirituoso, virava o rei das pistas de dança.


17. Thiago Castilho: Já fumei por 2 anos compulsivamente, consegui parar, depois tive uma recaída de um ano por motivos infantis, nunca fumei por prazer, mas por influencia de amigos-chaminés ambulantes, tédio, vazio existencial, dor-de-cotovelo, estupidez. Todavia abandonei para sempre o tabaco, graças a Deus. Fumar para mim era como está com alguém que você não ama só para não está sozinho. Entende? Você parou com a bebida! E a praga do Cigarro?


Renato Russo: Cigarro é foda! Eu estou tentando parar, mas não consigo: eu adoro. Além de ser um viciado, eu gosto. Você viu como eu sou um tolo? Fumo que nem um desgraçado e, depois, fico tossindo.


18. Thiago Castilho: Como Alexandre, o Grande e não o Nardoni, você conquistou tudo, conquistou corações e mentes em larga escala e quando se foi deixou milhões de órfãos. Nasceu com o dom artístico-musical, a inteligência criativa e o vozeirão inigualável. Teve dinheiro, poder, glória, a veneração dos fãs que sempre te viram como um mito messiânico e a imortalidade porque você nunca vai morrer. Eu imagino que seja surreal senão transcendental ouvir 50.000 pessoas num estádio gritando Thiago Castilho! Thiago Castilho! Mas sempre tem a galerinha medíocre do contra, os inimigos inglórios. Já disseram que o Esconderijo era sonolento e chamaram o observador de “Comunista de merda” por causa de um pseudo-artigo que escrevi “Coágulos do Regime Militar” http://esconderijo-do-observador.blogspot.com/2009/09/normal-0-21-false-false-false.html no qual inclusive inseri uma de suas canções metafóricas mais brilhantes sobre aquele tempo de trevas. Enfim, qual é a sua crítica da crítica?


Renato Russo: Se a crítica valesse alguma coisa, a gente não teria vendido o Que País é Este em São Paulo. Saiu bem grande num jornal lá: "Legião Urbana lança disco esquálido e primitivo". Eu nunca vou me esquecer. No entanto, o crítico que escreveu isso teve que ouvir a música por mais de um ano, tocando sem parar, em todas as rádios. Eu acho que, aqui no Brasil, têm muito ranço, muita picuinha. Outro dia, o cara acabou com a Orquestra Sinfônica Brasileira de tal maneira que, depois, na seção de cartas, um leitor tentava fazer com que o crítico entendesse que um músico clássico brasileiro tem que ter dois ou mais empregos, e lutar contra Deus e o mundo, para continuar tocando dignamente. Geralmente, o que eles pegam é a cobertura do bolo, o resultado final, esquecendo-se das dificuldades. Porque você pode até fazer uma crítica apontando as falhas, mas, ao mesmo tempo, encorajando as pessoas. O que geralmente eles fazem é jogar seu ressentimento em cima das falhas das pessoas. Para mim, isto é inveja. Deve ser porque eu sou gay, maravilhoso, e não preciso ficar indo a festinhas para me promover, não sento mais no chão com os amigos fumando baseado e ouvindo Ramones. Eu fico em casa ouvindo Mozart. Foda-se a imprensa! Sou formado em Jornalismo e sei como funciona essa corja. O Caetano tem toda razão: essas bichas são danadinhas. Eu não me importo com o que a imprensa fale de mim, desde que meu disco venda. Como diz Mick Jagger: "Tanto faz o que dizem na página 93 da revista, desde que eu esteja na capa". No Brasil, este tipo de coisa é mais cruel, na medida em que as pessoas são mais ignorantes.


19. Thiago Castilho: Eu tive uma professora de Português na Faculdade de Direito que dizia espirituosamente que deviam inventar uma bomba atômica que só matasse funkeiros e pagodeiros. Quem transa música escapista não pode amar a Legião Urbana. Qualidade é o segredo do sucesso?


Renato Russo: Tem uma coisa que acontece com o meu trabalho e com o trabalho da Legião Urbana — eu não sei, talvez esteja enganado. Mas é como se tudo o que a gente faz desse certo. Então, as pessoas não se esforçam... Elas têm um jeito de trabalhar muito mais leve e solto do que eu gostaria. Comigo é sério, tem que ser a melhor coisa que já foi feita. Nunca vai ser a melhor coisa que já foi feita; a gente sempre vai ter dúvida. Mas é aquela tal história: "Ah, é Legião. Vai dar certo!". Depois, o disco vende um milhão de cópias, e tudo bem. Mas ninguém sabe pelo que a gente passou. É uma coisa que tem um pouco aqui no Rio de Janeiro, e acho que um pouco no Brasil. Ora, bolas, desde que eu tinha 8 anos de idade, a única coisa que eu queria era tocar numa banda de rock'n'roll! Eu não vou abrir mão de nada, porque é uma coisa que eu gosto de fazer. Eu não penso em vendas, eu penso num resultado de qualidade.


20. Thiago Castilho: Você insinuou numa canção (Faroeste Cabloco) que o diabo mora em Brasília, o que me permite supor que ele seja metamórfico e troque de face de quatro em quatro anos ou de oito em oito anos (risos). Qual é a diferença entre Brasília e as outras cidades brasileiras?


Renato Russo: Eu adoro Brasília. Para mim, é a melhor cidade do Brasil. Futuramente, eu quero novamente morar em Brasília. Muita gente reclama que aqui não tem nada para fazer, mas, se você procura você acha. No Rio e em São Paulo, existem mais alternativas, mas é aquele circuitozinho. Você sai do cinema e tem que se defrontar com aquele calor, com aquela poluição. Aqui, você sai da Cultura Inglesa e aspira um ar puríssimo, e pode sair por aí caminhando tranqüilamente. E existe o intercâmbio cultural com as embaixadas e com as próprias pessoas. Você encontra pessoas aqui de todos os cantos do país, de todas as profissões, com todos os backgrounds possíveis. Isso dá uma interação de relacionamento humano, emocional, que eu acho muito legal, ao contrário das grandesmetrópoles, onde hoje só existem as tribos superfechadas.


“Já não me preocupo / Se eu não sei por que
Às vezes o que eu vejo / Quase ninguém vê

E eu sei que você sabe / Quase sem querer
Que eu vejo / O mesmo que você...”
Quase sem querer



21. Thiago Castilho: Sua visão do Brasil?


Renato Russo: Aqui no Brasil, nós somos alegres, mas nós não somos felizes. Existe toda uma melancolia e uma saudade que a gente herdou dos portugueses e que a gente ainda nem começou a resolver. A gente não sabe o que é esse nosso país."Nós já cantamos o caos, a situação desesperadora do país. E, agora, o que resta? O caos continua aí. A gente não é como esses caras. Eu sou brasileiro! Esses caras não são brasileiros. Polícia que mata criança, traficante... essas pessoas assim são animais. A gente acredita no Brasil. Existem muitas coisas legais. Ficam querendo que a gente seja ladrão, que seja do jeito que eles são. Nós não somos, não. Olha, a ignorância é vizinha da maldade. Isso é batata. Mas o que está acontecendo no Brasil... Eu acho que talvez seja o último estágio... Isso vem desde o descobrimento do Brasil. Para cá vieram ladrão, louco, preso político, entendeu? Essa corja está aí até hoje. O povo, mesmo, está todo mundo ciente disso.


22. Thiago Castilho: Você acredita em “poder mudar o mundo”?


Renato Russo: Eu não sou mais tão agressivo quanto antigamente. Eu descobri que não adianta ficar batendo com a cabeça na parede, porque não vou mudar o mundo. Antigamente, eu sinceramente acreditava que eu ia poder mudar o mundo. Eu me formei em Jornalismo, eu realmente queria fazer alguma coisa por um determinado caminho. Aí, depois, eu descobri: "Olha, por aí não vai dar, Renato. É melhor você fazer outra coisa". Hoje em dia, eu acredito mais numa mudança interior. Se eu vou conseguir resolver os problemas que aparecem com a minha família, na minha vida cotidiana, as coisas que eu tenho que resolver comigo mesmo, com meu filho, com os meus pais, com os meus amigos. Acredito neste tipo de mudança, uma coisa a nível de pessoas, bem pequena mesmo. Nada de mudar o mundo, o governo, nem nada. E isso se reflete um pouco no estilo das letras. No começo, era uma coisa muito grandiosa; agora, não. A gente tenta fazer uma coisa assim: hoje é um dia perfeito com as crianças. Só. Eu não posso mais falar pelas outras pessoas. Eu só posso falar assim: hoje eu acordei bem ou acordei mal.


23. Thiago Castilho: As vezes fico feliz por você não ter visto certas coisas que aconteceram no Brasil depois que você saiu para comprar cigarros na esquina e nunca mais voltou. Eu tenho minha cueca da sorte que eu guardo para as meninas de sorte, mas o que os corruptos fizeram, esconder dinheiro em suas cuecas, foi imperdoável. E o povo, citando um velho sábio, “Só faz sofrer.” Dos políticos e das eleições, Renato?


Renato Russo: Não entendo qual o lucro que essas pessoas [os políticos] têm em ser tão idiotas. Elas também vão usar as mesmas ruas esburacadas que nós usamos. Se um dia estiver perdido em algum lugar, vai parar num hospital que não tem condições de atendimento. Você não pode se isolar. Eleições são uma coisa complicada. Traficantes e analfabetos votam. A melhor solução é a do Betinho: cada um cuidar do seu núcleo, da sua rua, em células.


24. Thiago Castilho: Eu sei que é desagradável desenterrar essa ferida cicatrizada, mas eu gostaria que você falasse um pouco sobre o tumulto ocorrido durante o show no estádio Mané Garrincha que resultou em uma morte e 385 atendimentos médicos:


Renato Russo: Eu sempre quis falar isso: não vou pedir desculpas nem perdão, mas eu gostaria de explicar que, se eu pudesse voltar no tempo, eu não faria certas coisas que fiz. No caso de Brasília, eu faria tudo de novo. Da próxima vez, ainda levava uma metralhadora giratória e matava um monte de gente... Claro que não. É brincadeira. No caso de Brasília, não faríamos o show.


25. Thiago Castilho: Certa vez o nosso querido Rauzito (Raul Seixas) disse que a solução era alugar o Brasil. E para os jovens, qual é a solução, se existe?


Renato Russo: Quem não tem uma rede embaixo não vai tentar um triplo mortal. O movimento das esquerdas nos anos 60 não deu em nada. Agora, tem que tentar um novo caminho, sem ter nenhuma saída: o povo está sem educação, sem alimentação, e a estrutura política está totalmente sem base ética. Então, fica muito difícil. Não tem modelo, não tem referencial, nem mentores que indiquem o caminho. Porque as gerações anteriores, além de estarem totalmente desiludidas, jogam toda essa desilusão nos próprios jovens. Um cara como o Ferreira Gullar dizer que a geração de roqueiros é uma geração sem caráter é de perder a confiança. O Baden Powell também falou isso. E eram pessoas que eu respeitava. Então, em quem é possível confiar? Em Caetano Veloso, mas ele está fora disso. O máximo que você pode fazer é tentar se interiorizar, buscar algo mais tribal, de sobrevivência mesmo, tanto a nível psicoemocional como intelectual, informativo, social, político, sexual, tudo.


“E nossa estória não estará pelo avesso. Assim, sem final feliz. Teremos coisas bonitas para contar. E, até lá, vamos viver. Temos muito ainda por fazer. Não olhe para trás. Apenas começamos. O mundo começa agora. Apenas começamos.” Metal Contra as Nuvens


Continua...


PS: Feliz Páscoa amigos!

9 comentários:

  1. Fenomenal e brilhante! Tudo é possível na ilha de Lost, cultura no seriado, ganhou dos mortos vivos, dos outros, da fumaça preta e das viagens no tempo. Não pare de escrever, assim, eu não paro de ler.
    Flávio Lucas

    ResponderExcluir
  2. I'm really inspired along with your writing talents as neatly as with the format on your blog. Is this a paid theme or did you customize it yourself? Anyway stay up the excellent high quality writing, it is rare to see a nice weblog like this one today..

    Also visit my web-site :: vakantiewoningen huren

    ResponderExcluir
  3. It is not my first time to go to see this web page,
    i am browsing this site dailly and get nice data from here all the time.


    Look into my website ... travel

    ResponderExcluir
  4. I have been browsing on-line greater than 3 hours these days, yet I by no means discovered any
    fascinating article like yours. It is beautiful worth
    enough for me. In my opinion, if all web owners
    and bloggers made good content material as you probably did, the internet shall be much more useful than ever before.


    my web site :: vacature arnhem

    ResponderExcluir
  5. Greetings! Very useful advice within this post! It is the little changes that produce the most significant changes.
    Many thanks for sharing!

    Stop by my blog ... vakantiehuizen frankrijk

    ResponderExcluir
  6. whoah this blog is excellent i love studying your posts.

    Stay up the good work! You understand, lots
    of persons are searching around for this information, you can
    help them greatly.

    Here is my web-site ... luxe vakantiehuizen

    ResponderExcluir
  7. You could definitely see your expertise in the article you write.
    The arena hopes for even more passionate writers like you who
    are not afraid to mention how they believe.
    At all times follow your heart.

    my page particuliere vakantiehuizen ()

    ResponderExcluir
  8. Its like you read my mind! You appear to know
    so much about this, like you wrote the book in
    it or something. I think that you can do with a few pics to
    drive the message home a bit, but other than that,
    this is fantastic blog. A fantastic read. I will definitely be
    back.

    Feel free to visit my web blog - frankrijk vakantiewoning

    ResponderExcluir
  9. you are in point of fact a excellent webmaster.
    The web site loading pace is incredible. It sort of feels that you're doing any unique trick. Also, The contents are masterwork. you have done a excellent job on this matter!

    Also visit my web page huis huren frankrijk ()

    ResponderExcluir

“Livrar a mente da presunção” Johnson

“O prêmio por uma coisa bem feita é tê-la feito.” Emerson

“O prêmio por uma coisa bem feita é tê-la feito.” Emerson
Código ético da humanidade: viver, deixar viver e ajudar a viver. (...) "A meta é ser e não parecer." Emerson

"Se amor é troca ou entrega louca discutem os sábios, entre os pequenos e os grandes lábios"Leminski


FELICIDADE FREUDIANA

O que é a felicidade?
Pode ser tanta coisa,
um beijo apaixonado na pessoa amada depois duma absurda ausência,
um diálogo recheado de idéias filosóficas e psicanalíticas,
a liberdade de ser quem eu sou,
a metamorfose de um inimigo em amigo,
tudo que engorda: chocolate, sorvete e Leite Moça,
uma xícara de café acompanhada de um bom livro numa doce,
fria e avermelhada tarde de domingo,
uma taça de vinho no sábado a noite ou duas ou três com pizza,
um churrasco com familiares e amigos ao som de músicas antigas,
o sorriso inesquecível de nossa mãe,
o sono suave de nosso filho,
o olhar do nosso cachorro amoroso e leal,
uma canção nova do Chico Buarque sobre o velho amor.
Mas o que é a felicidade?
Pode ser tanta coisa...
Uma coisa é certa: nunca é tarde para ser feliz de verdade.

Por: Thiago Castilho

Faça, porque se você não fizer, em breve, o resto será silêncio”. Leandro Karnal

“Quantos homens sabem observar? E, desses poucos que sabem, quantos observam a si próprios? Cada pessoa é o ser mais distante de si mesmo.” Nietzsche

"Os direitos são a menina dos olhos de Deus." Kant


"Quanto mais conhecimento, mais vida."- "Pirkei Avot 2,8" - Textos Judaicos

O que explica a ascensão dos humanos na terra?

"Não se compare aos outros, compara-se a si mesmo. Estou crescendo? Estou melhor? Flávio Gikovate”

“Espíritos grandiosos sempre encontraram oposição violenta de mentes medíocres.” Albert Einstein

“Espíritos grandiosos sempre encontraram oposição violenta de mentes medíocres.” Albert Einstein
"A gratidão é um fruto de grande cultura; não se encontra entre gente vulgar".Samuel_Johnson

“Todo indivíduo deve velar por si mesmo.” Emerson


“Há uma área do criação infensa a técnica, a cultura, ao conhecimento acumulado pela tradição. (...) essa área é inexplicável, intransferível e inapreensível.” Charles Kiefer, Para Ser Escritor

“Aquele que ousa perder uma hora de seu tempo não sabe o valor da vida.” Charles Darwin.

“O próximo Dom (Casmurro) nascerá nas infinitas páginas de blogs, chats e sites e redimirá aqueles que hoje perdem tempo examinando os jardins que se bifurcam na infovia.” Charles Kiefer, Para Ser Escritor

Abaixo: a série "Passar na OAB ou passar fome" (Em breve, amados.) Só que não.

Abaixo: a série "Passar na OAB ou passar fome" (Em breve, amados.) Só que não.
“Prometo, no exercicio das funções do meu grau, acreditar no Direito, como a melhor forma para a convivência humana, fazendo da justiça, o meio de combater a violência, e socorrer os que dela precisarem, servindo a todo o ser humano, sem distinção de classe social ou poder aquisitivo, buscando a paz como resultado final, e, acima de tudo, prometo defender a liberdade, pois sem ela não há Direito que sobreviva, justiça que se fortaleça, e nem paz que se concretize.” Juramento jurídico

do inferno na terra ou sobre a 2º guerra mundial (Cisne Negro: Todos são podres por dentro e fedem.

“Aprendeste lições apenas daqueles que te admiravam e foram gentis contigo e estiveram ao teu lado? Não aprendeste grandes lições daqueles que te rejeitaram e bateram-se contra ti? Ou daqueles que te trataram com desprezo, ou disputaram a passagem contigo?” Whitman, Lições mais fortes

“Ninguém que não sofra conhece a si mesmo.” Marcia Tiburi


“Se nada tem, primeiro constitua sua identidade, depois amadureça e finalmente
pense por si próprio.”Do poema
UNICÓRNIO

“Ser, realmente, um deus.” Walt Whitman


“O amor, tal como a luz, silenciosamente envolve todos...” Walt Whitman

“Se eu não for por mim, quem o será? Mas se eu for só por mim, que serei eu?

“Machado não confia no homem, não ama a vida, nem espera nenhuma bem-aventurança futura.” Afrânio Coutinho sobre Machado de Assis

“Kafka tinha uma “perfeição que destrói”.” Harold Bloom

“Kafka tinha uma “perfeição que destrói”.” Harold Bloom
“Quanto a mim sou relativamente honesto e de tais coisas poderia acusar-me que melhor seria não ter nascido. Sou muito orgulho, vingativo, ambicioso com mais pecados na cabeça que pensamentos para concebê-los ou tempo para executá-los.” Shakespeare, Hamlet

Tome o poder. ("Ousarei perturbar o universo?" T.S. Eliot)


“O que tenho a dizer sobre a obra de Bach? Ouçam-na, toquem-na, amem-na – e calem-se!”- Albert Einstein; em resposta a um inquérito da revista alemã Illustrierten Wochenschrift, 1928.

Alma mater - 13 unicórnios ou fontes de inspiração constante para o "absoluto em aberto"

“A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe.” Jean Piage

das criações artísticas, das relações humanas e das questões existenciais

“-Eu sei, as pessoas pensam que eu sou egoísta e narcisista, mas não é verdade. Na verdade, se eu fosse me identificar com um personagem mitológico grego não seria narciso.
-Quem seria então?
- Zeus.” Wood Allen

EU QUERO UMA VIDA INTENSA, INTELECTUAL E ARTÍSTICA ENQUANTO FOR POSSÍVEL

CRIAR QUALQUER UM CRIA. INVENTE. COMPARTILHE CONHECIMENTO. FAÇA CIRCULAR IDÉIAS. MUDE O MUNDO OU, PELO MENOS, A SI.
“Eu sou um homem tão bom, no fundo, um homem tão bom, como é que ninguém nunca percebeu isso?” Samuel_Beckett

você Não vai comentar!? (Por que os burros nunca comentam?)

forgifs.com
"Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida. Não se faz literatura, política e futebol com bons sentimentos." Nelson Rodrigues

"Viver cada dia como se fosse o primeiro e cada noite como se fosse a última." Eduardo Galeano

"Uma bela viagem deu-te Ítaca. (...) Tu te tornaste sábio, um homem de experiência.E, agora, sabes o que significam Ítacas." Constantino Kabvafis (1863-1933)

vida interior: cultivando a renovação da alma

vida interior: cultivando a renovação da alma
“Tememos a morte e questionamos nosso lugar no universo. A tarefa do artista não é sucumbir no desespero, mas achar solução para o vazio da existência.” Wood Allen, Meia-noite em Paris

Decifra-me ou devoro-te!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pintura em Lascaux (Pré-história). Património Mundial — UNESCO

Pintura em Lascaux (Pré-história). Património Mundial — UNESCO
"Sou um sonho." Borges ("Um grande artista não deixa pontas soltas." Sherlock Homes)

Grite “devastação” e deixe sair os cães da guerra.” Shakespeare

“A verdadeira igualdade consiste em aquinhoar desigualmente seres desiguais.” Rui Barbosa

“A verdadeira igualdade consiste em aquinhoar desigualmente seres desiguais.” Rui Barbosa
PREÂMBULO DA CONSTITUIÇÃO: Nós, representantes do povo brasileiro, reunidos em Assembléia Nacional Constituinte para instituir um Estado Democrático, destinado a assegurar o exercício dos direitos sociais e individuais, a liberdade, a segurança, o bem-estar, o desenvolvimento, a igualdade e a justiça como valores supremos de uma sociedade fraterna, pluralista e sem preconceitos, fundada na harmonia social e comprometida, na ordem interna e internacional, com a solução pacífica das controvérsias, promulgamos, sob a proteção de Deus, a seguinte CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL.

Eu sei que você sabe, quase sem querer, que eu vejo o mesmo que você: caos e beleza.

“A arte é um instante de eternidade e perfeição.” V. Avelino

“Com leis e letras domina-se a história.” O observador

“Com leis e letras domina-se a história.” O observador
“O crítico não faz história.” Pablo Picasso

"O Estado mente friamente, e esta mentira rasteja de sua boca: 'Eu, o Estado, sou o povo.”Nietzsche

"O Estado mente friamente, e esta mentira rasteja de sua boca: 'Eu, o Estado, sou o povo.”Nietzsche
“De todo o escrito só me agrada aquilo que uma pessoa escreveu com o seu sangue.” Friedrich Nietzsche

“Eu sou apenas um belo pedaço de carne.” Shakespeare, em Romeu e Julieta (Mas com amor...)

“Eu sou apenas um belo pedaço de carne.” Shakespeare, em Romeu e Julieta (Mas com amor...)
“A emoção estética deixa o ser humano num estado favorável à recepção de emoções eróticas. A arte é cúmplice do amor. Tire o amor e não haverá mais arte.” Remy de Gourmont

"Sou só a rede vazia diante dos olhos humanos na escuridão...Um peixe preso dentro do vento" Neruda

"Sou só a rede vazia diante dos olhos humanos na escuridão...Um peixe preso dentro do vento" Neruda
“Um gênio criativo não pode ser treinado. Não existem escolas para criatividade. Um gênio é precisamente um homem que desafia todas as escolas e regras, que se desvia dos caminhos tradicionais da rotina e abre novos caminhos através de terras inacessíveis antes. Um gênio é sempre um professor, nunca um aluno; ele é sempre feito por si mesmo.” Ludwig von Mises

"Nunca odeie seus inimigos. Isso atrapalha o raciocínio. São apenas negócios.” O Poderoso Chefão

"Nunca odeie seus inimigos. Isso atrapalha o raciocínio. São apenas negócios.” O Poderoso Chefão
“A criatividade de uma nação está ligada à capacidade de pensar e teorizar, o que requer uma boa educação e, daí, partir para o inventar e, depois, ir até as últimas conseqüências no fazer.” Cláudio de Moura Castro

Supremo tribunal federal ou pretório excelso (Por uma implacável consciência cidadã crítica.)

Supremo tribunal federal ou pretório excelso (Por uma implacável consciência cidadã crítica.)
“O que eu espero senhores, é que depois de um razoável período de discussão, todo mundo concorde comigo.” Sir Winston Churchill

“Que mundo! Poderia ser maravilhoso se não fossem as pessoas.” Woody Allen

“Que mundo! Poderia ser maravilhoso se não fossem as pessoas.” Woody Allen
“A obra de arte pode ter um efeito moral, mas exigir uma finalidade moral do artista é fazê-lo arruinar a sua obra.” Goethe

“O meu pai, eu sou Cruzeiro...”Máfia Azul/“Controle sua mente ou ela o destruirá.”Ditado americano

“O meu pai, eu sou Cruzeiro...”Máfia Azul/“Controle sua mente ou ela o destruirá.”Ditado americano
“O poder de síntese é a alma da inteligência.” Shakespeare

Minas além do som. Minas Gerais. Sedução fulminante.

Minas além do som. Minas Gerais. Sedução fulminante.
“Escrever é fácil: você começa com uma letra maiúscula e termina com um ponto final. No meio você coloca as idéias.” Pablo Neruda

Que país é esse? Brasil, eu ainda te amo, porra!

Que país é esse? Brasil, eu ainda te amo, porra!
“Mas se ergues da justiça a clava forte, Verás que um filho teu não foge à luta, Nem teme, quem te adora, a própria morte.” Hino Nacional

Museu da língua portuguesa em São Paulo (Literatura é liberdade. "Sentir o universo..." Sentir-se.)

Museu da língua portuguesa em São Paulo (Literatura é liberdade. "Sentir o universo..." Sentir-se.)
“Creio que quase sempre é preciso um golpe de loucura para se construir um destino.” Marguerite Yourcenar

"A arte de viver consiste em tirar o maior bem do maior mal." Machado de Assis

"A arte de viver consiste em tirar o maior bem do maior mal." Machado de Assis
“Qualquer destino, por mais longo e complicado que seja, vale apenas por um único momento: aquele em que o homem compreende de uma vez por todas quem é.” Borges

A cura do desespero humano pela palavra. Sem neuroses idiotas ou sofrimento psíquico. Salvo sejamos

A cura do desespero humano pela palavra. Sem neuroses idiotas ou sofrimento psíquico. Salvo sejamos
"Um dia, quando olhares para trás, verás que os dias mais belos foram aqueles em que lutaste." Sigmund Freud

"Tudo se perde como lágrimas na chuva." Já sem dor

"Tudo se perde como lágrimas na chuva." Já sem dor
“O que você tem, todo mundo pode ter. Mas o que você é...ninguém pode ser.” Clarice Lispector

“As três dimensões da filosofia: a inteligência do que é, a sede de justiça e a busca da salvação”

“As três dimensões da filosofia: a inteligência do que é, a sede de justiça e a busca da salvação”
“É melhor ser um ser humano insatisfeito do que um porco satisfeito; é melhor ser Sócrates insatisfeito do que um tolo satisfeito. E se o tolo ou o porco têm uma opinião diferente é porque só conhecem o seu próprio lado da questão. A outra parte da comparação conhece ambos os lados.” John Stuart Mill, Utilitarismo

"Em momentos de crise, só a imaginação é mais importante que o conhecimento." Albert Einstein

"Em momentos de crise, só a imaginação é mais importante que o conhecimento." Albert Einstein
“A poesia é algo tão íntimo que não pode ser definida.” Borges

“É sobretudo na solidão que se sente a vantagem de viver com alguém que saiba pensar.” Rousseau

“É sobretudo na solidão que se sente a vantagem de viver com alguém que saiba pensar.” Rousseau
“Partindo do pressuposto de que não sei nada, tudo posso aprender e inventar algo além.” Thiago Castilho

“Prove que me ama e pague a próxima rodada.” Janis Joplin

“Prove que me ama e pague a próxima rodada.” Janis Joplin
“Ouse conquistar a si mesmo.” Nietzsche

Chegou um tempo em que não adianta morrer. ... a vida é uma ordem. A vida apenas, sem mistificação.

Chegou um tempo em que não adianta morrer. ... a vida é uma ordem. A vida apenas, sem mistificação.
“Se eu não for por mim, quem o será? E quando sou por mim, o que sou? E se não for agora, quando será?” Herford

"Sempre imaginei que o paraíso será uma espécie de biblioteca" Jorge_Luis_Borges

"Sempre imaginei que o paraíso será uma espécie de biblioteca" Jorge_Luis_Borges
“Escrever é sangrar.” (Hemingway)

“Tornamo-nos o retrato de Dorian Gray da internet, mon chéri.” Thiago Castilho

“Tornamo-nos o retrato de Dorian Gray da internet, mon chéri.” Thiago Castilho
“Em última instancia, é melhor ser temido do que ser amado.” Maquiavel

"A morte, surda, caminha ao meu lado E eu não sei em que esquina ela vai me beijar" Raul Seixas

"A morte, surda, caminha ao meu lado E eu não sei em que esquina ela vai me beijar" Raul Seixas
"Havia entretanto algo taciturno e ansioso em Sören: talvez pensasse que a integridade humana, mesma a mais perfeita, não pudesse nada contra o destino.Do dever cumprido, da liberdade assumida, ele não esperava nem sucesso nem prosperidade, nem mesmo a paz’’. Sophia_de_Mello_Breyner

Transhumanismo: uma percepção da posteridade (Troque seus olhos. Descubra a verdade. Transcenda.)



“Tu me amas?” Jesus

ERNST FISCHER

"Numa sociedade decadente, a arte, se verdadeira, deve também refletir essa decadência. E a menos que ela deseje trair sua função social, a arte deve mostrar o mundo como mutável. E ajudar a mudá-lo."

ZEITGEIST: MOVING FORWARD

“Minha avó era uma pessoa maravilhosa. Ela me ensinou a jogar Banco Imobiliário. Ela entendia que o objetivo do jogo é comprar. Ela acumulava tudo o que podia e sempre acabava dominando o tabuleiro. E depois ela sempre me dizia a mesma coisa. Ela olhava para mim e dizia: "um dia você vai aprender a jogar o jogo". Num verão, eu joguei quase todos os dias, o dia inteiro e então aprendi a jogar o jogo. Compreendi que a única forma de ganhar é se comprometendo totalmente à aquisição. Aprendi que o dinheiro e as posses são as formas de continuar pontuando. Ao final daquele verão, tornei-me mais impiedoso que minha avó. Estava pronto para dobrar as regras para ganhar o jogo. Naquele outono, me sentei para jogar com ela. Tomei tudo que ela tinha. Eu a observei... entregar seu último dólar e desistir em completa derrota. E então ela tinha algo a mais para me ensinar. Então ela disse: "agora tudo volta para a caixa.” Zeitgeist, avançando num mundo onde 40% da riqueza mundial pertence a 1% da população e “É preciso criar problemas para gerar lucro. (...) Essa merda precisa acabar.”

Mahatma Gandhi

“A mais mortal forma de violência é a pobreza.”

Carlos Drummond de Andrade

“De impossíveis, de risos e de nadas tu te formaste, só, em meio aos fortes.”

Sartre

“O homem nada mais é que o seu projeto.”

Nelson Rodrigues

“Perdoa-me por me traíres.”

Arthur Schopenhauer





“Tudo que um homem busca e ama, seja numa simples conversa ou no trabalho, é a inferioridade do outro.”

Thiago Castilho

“Seja ético, solidário e afetivo. Seja melhor, ao invés de tentar ser o melhor em tudo o tempo todo como todos. Talvez seja feliz, Thiago. O caminho comum falhou contigo. Debaixo da pele seu sangue veleja ardentemente.”

Da comunicação social

Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição. "

"As leis são belas." Machado de Assis

CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL

TÍTULO I

Dos Princípios Fundamentais

Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:

I - a soberania;

II - a cidadania;

III - a dignidade da pessoa humana;

IV - os valores comuns do trabalho e da livre iniciativa;

V - o pluralismo político.

Parágrafo único.Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.

Conheça seus direitos e deveres, observe tudo:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/principal.htm

“Não terás compaixão; vida por vida, dente por dente, olho por olho, mão por mão, pé por pé.” (Deut. 19, 18-21)

Lei da gravidade vs princípio da legalidade

“Ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei.” Artigo 5°, inciso II, da Constituição Federal

O pra sempre sempre acaba?


“Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade.” Art. 5° da Constituição Brasileira

no meio do caminho tinha uma pedra


“Eu nunca deixei de sentir: dor... dor... dor...” Nirvana, You Know You’re Right

“Para ser grande, sê inteiro: nada

Teu exagera ou exclui.

Sê todo em cada coisa.


Põe quanto és

No mínimo que fazes.


Assim em cada lago a lua toda

Brilha, porque alta vive.” Ricardo Reis

Da super-mamusca, my love forever

Da super-mamusca, my love forever
"Quando a noite chove no Vale, gosto de ir à janela da sala para observar a chuva caindo na rua, melancolicamente. Foi numa noite assim que nasci no Paraná em junho, embalsamado pelo frio que faz congelar o sangue do inverno do Sul. Prematuro, o médico informou a seco a minha mãe que eu não “escaparia”. Contudo ela contra-argumentou afirmando que “Deus era maior e que seria feita a sua vontade.”. (Ela conta isso para todas as minhas namoradas.) A maternidade está acima da medicina. Escapei milagrosamente. Minha mãe venceu. Obrigado, mãe, por duvidar daquele cretino cético e lutar para salvar minha sagrada vida. Valeu a pena, eu acho, apesar dos pesares. Finas lágrimas de anjos magoados." Do post O processo...

Lei do Esconderijo: todo ser humano tem direito a felicidade

“Corri pro esconderijo e olhei pela janela, o sol é um só, mas quem sabe são duas manhãs...” Legião Urbana


CONSCIÊNCIA PROFUNDA


“E cada instante é diferente, e cada homem é diferente, e somos todos iguais. No ódio, no amor, na incompreensão e no sublime cotidiano, tudo, mas tudo é nosso irmão. No mesmo ventre o escuro inicial, na mesma terra o silencio global, mas e o humor?” Drummond, montagem minha de células dos poemas Os últimosdias e Consolo na praia



“Nem todos os problemas confrontados serão resolvidos. Mas nenhum problema será resolvido se não for confrontado.” Einstein


Eu nasci há dez mil anos atrás / e não tem nada nesse mundo que eu não saiba demais / Eu vi cristo ser crucificado / O amor nascer e ser assassinado / Eu vi as bruxas pegando fogo pra pagarem seus pecados, / Eu vi,/ Eu vi o sangue que corria da montanha / quando Hitler chamou toda a Alemanha / Vi o soldado que sonhava com a amada numa cama de campanha /Eu li os simbolos sagrados de Umbanda / Eu fui criança pra poder dançar ciranda /E, quando todos praguejavam contra o frio, eu fiz a cama na varanda (...) E praquele que provar que eu tou mentindo / eu tiro o meu chapéu.” Rauzito, Eu nasci a dez mil anos atrás ( e eu não?)


“Não adianta nem tentar
Me esquecer
Durante muito
Muito tempo em sua vida
Eu vou viver
Não, não adianta nem tentar
Me esquecer...” Detalhes do rei Roberto Carlos



“A vaidade... é, com certeza, o meu pecado predileto.” Advogado do Diabo


"O único modo de suportar a existência é precipitar-se na literatura como em uma orgia perpétua" Flaubert


"O escritor original, enquanto não está morto, é sempre escandaloso." Simone de Beauvoir

Um casal nosso conhecido

"Todo dia é o mais importante da sua vida e o último. O segredo é não parar nunca, eu acho." Thiago Castilho

“Nada de grande se fez sem paixão.” Hegel

"Respirei fundo e escutei o velho e orgulhoso som do meu coração. Eu sou, eu sou, eu sou." Sylvia Plath


“Escrever é estar no extremo de si mesmo.” Joao Cabral de Melo Neto


“O criador, com efeito, deve ser um mundo para si mesmo...” Rilke

“Eu sou é eu mesmo.Diverjo de todo mundo.Eu quase que nada não sei.Mas desconfio de muita coisa."GR

"O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim." Auguste Comte

Meu nome é castilho, Thiago Castilho

Meu nome é castilho, Thiago Castilho
"Gosto tanto de você, baby. Só que os escritores são seres muito cruéis, estão sempre matando a vida à procura de histórias. Você me ama pelo que me mata. E se apunhalo é para você, para você que escrevo - e não entende nada."Caio Fernando de Abreu

Aos inimigos do Esconderijo:

forgifs.com
“Mesmo no mais elevado trono do mundo, continuamos sentados sobre nossos cus. Os reis e os filósofos defecam, e as damas também.” Montaigne

"Torna-te quem tu és." Nietzsche

"Torna-te quem tu és." Nietzsche
"Cheguei a firme convicção de que a vaidade é a base de tudo, e que aquilo a que chamamos consciência não é outra coisa senão vaidade interior." Gustave Flaubert

“O gênio, o crime e a loucura, provêm, por igual, de uma inadaptabilidade ao meio" Fernando Pessoa

“O gênio, o crime e a loucura, provêm, por igual, de  uma inadaptabilidade ao meio" Fernando Pessoa
Mantra ético-político ou afetivo-sexual, se preferir, para a humanidade: "Tudo que eu nao posso fazer, voce também não pode." Thiago Castilho

"A liberdade de expressão não justifica ir contra direitos fundamentais." Contardo Calligaris

"A liberdade de expressão não justifica ir contra direitos fundamentais." Contardo Calligaris
“A leitura é uma fonte inesgotável de prazer mas por incrível que pareça, a quase totalidade, não sente esta sede." Drummond

"Idéia de totalidade: O todo está na parte assim como a parte está no todo." Edgar Morin

"Idéia de totalidade: O todo está na parte assim como a parte está no todo." Edgar Morin
"O tempo é a insônia da eternidade." Quintana

“Desossar horas entre dedos” Marcia Tiburi, Magnólia


“Depois eu matei a todos,/ Matei-os Com o formicida dos pensamentos/ É só lançar sobre os diabos/ Que eles pulam e soçobram/ Debaixo desses tapetes de histórias/ Esmago-os sem dó todos os dias/ Ouço os gritos dos debilitados se afogando.” Helena Schopenhauer/b>

"Que liberdade nos resta para a prática de vida?" Leandro Chevitarese

"Que liberdade nos resta para a prática de vida?" Leandro Chevitarese
"O fluxo sanguíneo é poesia, Impossível estancá-lo." Sylvia Plath

"O AMOR É A ÚNICA COISA QUE PODERÁ SALVAR O HOMEM" Jiddu Krishnamurti

"… Falamos da vida — e não de idéias, de teorias, de práticas ou de técnicas. Falamos para que olhe esta vida total, que é também a sua vida, para que lhe dê atenção. Isso significa que não pode desperdiçá-la. Tem pouquíssimo tempo para viver, talvez dez, talvez cinquenta anos. Não perca esse tempo. Olhe a sua vida, dê tudo para a compreender." Jiddu Krishnamurti

“A moderação em tudo é boa.” Eclesiastes

Veja o invisível. O tempo é tudo. Totalize o tempo. Crie.

“O ser se transforma em nada e o nada se transforma em ser. Tudo é devir.” Carlos Cirne Lima

“Gostaria que a humanidade tivesse uma só cabeça para cortá-la de uma vez.” Nero

Fecha os olhos, viaja até o fim e pergunte-se: “Que mais poderia ter sido minha vida?" ... !...?...

Fecha os olhos, viaja até o fim e pergunte-se: “Que mais poderia ter sido minha vida?" ... !...?...
¨A arte é o que resiste: ela resiste à morte, à servidão, à infâmia, à vergonha.¨ Gilles Deleuze

É preciso pensar por si só senão uma instituição pensará por você: a igreja,a publicidade,políticos

É preciso pensar por si só senão uma instituição pensará por você: a igreja,a publicidade,políticos
“A lógica de um pensamento é o conjunto das crises que ele atravessa, assemelha-se mais a uma cadeia vulcânica do que a um sistema tranquilo e próximo do equilíbrio.” Gilles Deleuzeuze

"Penso que estamos no beco dos ratos, onde os mortos seus ossos deixaram." T. S. Eliot

"Penso que estamos no beco dos ratos, onde os mortos seus ossos deixaram." T. S. Eliot
"Não se luta contra o destino; o melhor é deixar que nos pegue pelos cabelos e nos arraste até onde queira alçar-nos ou despenhar-nos." Machado de Assis

"Vá e vença!" Lema do BOPE. E lembre-se: ser é estar.

"Vá e vença!" Lema do BOPE. E lembre-se: ser é estar.
"Gostaria de viver para estudar e não de estudar para viver." Francis Bacon

“A arte da vida consiste em fazer da vida uma obra de arte.” Gandhi

“A arte da vida consiste em fazer da vida uma obra de arte.” Gandhi
“A arte é a vida no sentido de ser a força criadora de caminhos, de imagens, de verdades, de possibilidades. Somos todos artistas da vida que vivemos. Abdicar da arte é aceitar a derrota.” Marcia Tiburi

“Olhas para a guerra, o murro, a facada, Como uma simples quebra da monotonia universal.” Drummond

“Olhas para a guerra, o murro, a facada, Como uma simples quebra da monotonia universal.” Drummond
"Se tem uma coisa que a história nos ensina, é que se pode matar qualquer um." O poderoso chefão

"Quantas línguas um homem conhece, tantas vezes é homem" Schopenhauer, Sobre o Ofício do Escritor

"Quantas línguas um homem conhece, tantas vezes é homem" Schopenhauer, Sobre o Ofício do Escritor
"Todo leitor é leitor de si mesmo." Marcel Proust

"Há uma fina linha entre genialidade e loucura. Eu apaguei essa linha."- Oscar Levant

"Há uma fina linha entre genialidade e loucura. Eu apaguei essa linha."- Oscar Levant
"Todas as manhãs, quando acordo, experimento um prazer supremo: o de ser Salvador Dali" Salvador Dali

Todos os caminham levam à morte. Perca-se.Jorge Luis Borges / Eis tudo:

Todos os caminham levam à morte. Perca-se.Jorge Luis Borges / Eis tudo:
“Eu acredito que quando morrer, irei apodrecer e nada do meu ego sobreviverá. Mas me recuso a tremer de terror diante da minha aniquilação. A felicidade não é menos felicidade porque deve chegar a um fim, nem o pensamento e o amor perdem seu valor porque não são eternos.” Bertrand Russell

"Noventa por cento dos políticos dão aos dez por cento restantes uma péssima reputação." Henry Kiss

"Noventa por cento dos políticos dão aos dez por cento restantes uma péssima reputação." Henry Kiss
“A política e os destinos da humanidade são forjados por homens sem ideias nem grandeza. Aqueles que tem grandeza interior não se encaminham para a política” Camus

"A felicidade feminina consiste em um bom banho." Thiago Castilho

"A felicidade feminina consiste em um bom banho." Thiago Castilho
“A angústia é a sensação do infinito.” Viviane Mosé. E "A angústia é a única fonte da criação." Jacques Lacan

"Voce é livre no momento em que não busca fora de si mesmo alguém para resolver os seus problemas."

"Voce é livre no momento em que não busca fora de si mesmo alguém para resolver os seus problemas."
"Sejam as leis claras, uniformes e precisas, porque interpretá-las é o mesmo, quase sempre, que corrompê-las." Voltaire

"Eu sou um egomaníaco, mas quem não é?" John Lennon

"Eu sou um egomaníaco, mas quem não é?" John Lennon
Nunca pensei, ao escrever, em aproximar-me do povo. Bom, na realidade, não pensei em aproximar-me de ninguem - Jorge Luís Borges

1766, Cavendish isola o hidrogênio

1766, Cavendish isola o hidrogênio
"A singularidade parece sempre ter uma gota de arrogancia." Thomas Fuller

"As grandes nações sempre agiram como gangsteres, as pequenas, como prostitutas." Stanley Kubrick

"As grandes nações sempre agiram como gangsteres, as pequenas, como prostitutas." Stanley Kubrick
"Porque há o direito ao grito. Então, eu grito!" Clarice Lispector

Os primeiros jogos olímipicos foram realizados em Olímpia a partir do século 8o a.C. até 393 d.C.

Os primeiros jogos olímipicos foram realizados em Olímpia a partir do século 8o a.C. até 393 d.C.
"A simplicidade de caráter é o resultado natural da profundez de pensamento" William Hazlitt

"Não me peçam para dizer quem sou e não me peçam para não mudar." Michel Foucault

"Não me peçam para dizer quem sou e não me peçam para não mudar." Michel Foucault
"Os filósofos se limitaram a interpretar o mundo de diversas maneiras; o que importa é modificá-lo." Karl Marx

"Ao supormos não haver nada mais raro que o gênio, esquecemo-nos da perfeição. “George Bernard

"Ao supormos não haver nada mais raro que o gênio, esquecemo-nos da perfeição. “George Bernard
"Quem não sabe a arte não a estima." Camões

"O HOMEM É O LOBO DO HOMEM." THOMAS HOBBES

"Nossa maior fraqueza está em desistir. O caminho mais certo para vencer é tentar mais uma vez" Thomas Edison

Ele não encontrou o de que carecia, o de que carecemos, eu e meu elefante, em que amo disfarçar-me.

Ele não encontrou o de que carecia, o de que carecemos, eu e meu elefante, em que amo disfarçar-me.
"Serei eu, porque nada é impossível..." Fernando Pessoa

um mundo que se mostra por dentro e se esconde por fora

um mundo que se mostra por dentro e se esconde por fora
"Nada temos a esperar nem a temer." Epicuro, sobre a morte

“O ápice da experiência humana está em realizar a liberdade.” Franklin Leopoldo e Silva


“Eu quis o perigo e até sangrei sozinho/Entenda, Assim pude trazer você de volta pra mim/Quando descobri que é sempre só você/Que me entende do iní­cio ao fim./E é só você que tem a cura pro meu vício/De insistir nessa saudade que eu sinto/De tudo que eu ainda não vi.” Legião Urbana

“Milhões no pó se afundam.Vós vos precipitais, ó milhões? Pressentes o criador, ó mundo?” Nietzsche

forgifs.com
“É preciso questionar essa supremacia. A ciência é a porta-voz do progresso, quem disse que ela é a porta-voz da verdade?” Laymert Garcia dos Santos

"Este [o povo brasileiro] é o povo mais covarde, imbecil e subserviente do universo" O. de Carvalho

"Este [o povo brasileiro] é o povo mais covarde, imbecil e subserviente do universo" O. de Carvalho
"Somente a consciência individual do agente dá testemunho dos atos sem testemunha, e não há ato mais desprovido de testemunha externa do que o ato de conhecer." Olavo de Carvalho

"Os escritores de gênio constituem o melhor caminho em direção à sabedoria..." Harol Bloom

"Os escritores de gênio constituem o melhor caminho em direção à sabedoria..." Harol Bloom
“Será só imaginação? Será que nada vai acontecer? Será que é tudo isso em vão? Será que vamos conseguir vencer?” Legião Urbana

“A essência da existência é a dor.” Schopenhauer

“Eu estou indo embora, mas meu pensamento, minhas palavras e meu coração sempre estarão contigo.” Despedida mulçumana